Você está aqui

Renafro lança vídeo sobre promoção da saúde em terreiros

Evento será realizado no Terreiro do Gantois, em Salvador

O reconhecimento dos terreiros como espaços de promoção à saúde e o uso de saberes milenares das religiões de matrizes africanas na assistência e cuidado às pessoas são os assuntos principais do vídeo “O Cuidar nos Terreiros”, que será lançado na quarta-feira (27), no Terreiro do Gantois, em Salvador. A produção assinada pela Rede Nacional de Religiões Afro-Brasileiras (Renafro) com apoio do Departamento de DST-AIDS e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, mostra ainda como o Sistema Único de Saúde (SUS) pode ser beneficiado com essas práticas e saberes.

O lançamento, agendado para começar às 18h30, contará com a participação do Representante do UNFPA, Fundo de População das Nações Unidas, dado ao fato de o Fundo apoiar a Rede em parte das atividades realizadas em seus 10 anos de atuação.  As ações realizadas em parceria com a Rede reiteram os princípios norteadores do mandato da Agência que trabalha para fortalecer o cumprimento do direito humano à saúde, com garantia de dignidade para todas e todos, sem qualquer discriminação de gênero, raça, etnia ou idade.

Em entrevista ao UNFPA, José Marmo, Coordenador da Rede destacou que “o ato de cuidar pode ser compartilhado pelos terreiros e pelo SUS, e que os terreiros são espaços promotores de saúde, pois muitas das coisas que as políticas de saúde estão propondo, como por exemplo, a Politica Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, fala sobre a fitoterapia e o uso das folhas”, saber compartilhado nos terreiros.

Para ler o bate-papo na íntegra, acesse: http://migre.me/dPN17

Serviço:

Lançamento do vídeo “O Cuidar nos Terreiros”
Data: 27 de março de 2013
Horário: 18:30
Local: Ilê Iyá Omi Asé Iamasé - Rua Mãe Menininha 23, Alto do Gantois, Federação – Salvador/Bahia
Mais informações: http://bit.ly/XrXb7n

*****

UNFPA - Fundo de População das Nações Unidas: Criando um mundo em que todas as gestações sejam desejadas, todos os partos sejam seguros e cada jovem alcance seu potencial.