Campanha com a FESF- SUS

10 De setembro de 2018

Fundação Estatal Saúde da Família e UNFPA Brasil

No mês de maio, em alusão ao 28 de maio, data marco do Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia Nacional pela Redução da Morte Materna, o UNFPA, Fundo de População das Nações Unidas, a Fundação Estatal Saúde da Família (FESF-SUS), e a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB), realizaram ações conjuntas de comunicação, no âmbito da Campanha pela Redução da Morte Materna, com foco em promoção dos direitos das mulheres, sobretudo os direitos reprodutivos e a saúde materna.

Foram produzidas entrevistas e matérias jornalísticas especiais com profissionais de saúde sobre suas vivências e percepções sobre o tema; elaborados e divulgados boletins informativos e podcasts sobre a temática nas plataformas digitais (sites e mídias sociais) do UNFPA e da FESF; distribuição de cartazes em hospitais de pequeno porte em cerca de vinte municípios baianos; e uma webpalestra sobre promoção à saúde das mulheres e prevenção a morte materna.

Escute os Podcasts: 

Telessaúde e Saúde da Mulher – uma conversa com Mara Vieira, teleconsultora do projeto

Enfermeira obstetra realiza partos humanizados em Salinas das Margaridas

 

 

DOCUMENTS

  • UNFPA e FESF juntas em ação pela saúde da mulher e redução da morte materna na Bahia

    Baixar

    Quadro da Morte Materna, no Brasil, muda, ao longo dos anos, mas não atinge metas

    Baixar

    Parto humanizado, o caminho natural

    Baixar

    Ipecaetá: cultura de realização de partos humanizados muda hábitos de gestantes da cidade

    Baixar

    Entrevista com a presidente e vice-presidente do Comitê Estadual de Estudos da Mortalidade Materna da Bahia

    Baixar

    Webpalestra em prol da redução da morte materna mobiliza quatro estados

    Baixar