Published on: 03/11/2016

Salvador, Bahia - Parceiros do UNFPA na campanha “Mais Direitos, Menos Zika” se reúnem em ação formativa de promoção à saúde e de conscientização para o exercício pleno do direito à saúde sexual e reprodutiva.

É sábado pela manhã e o auditório do Centro Cultural Alagados, sede da REPROTAI - Rede de Protagonistas em Ação de Itapagipe - tem casa cheia. Numa comunidade onde a luta por mais direitos, menos zika conta com um movimento social ativo e empoderado sob uma liderança jovem, a ação de formação promovida pelo Odara - Instituto da Mulher Negra - teve como ponto de partida as injustiças sociais e a violação de direitos humanos. Confira a matéria completa no link: https://unfpabrasil.exposure.co/saude