Você está aqui

Nota de pesar pelo falecimento de Irmã Telma Lage

As organizações parceiras que integram a Plataforma de Coordenação Interagencial para Refugiados e Migrantes da Venezuela (R4V) expressam profundo pesar pelo falecimento da missionária Telma Lage, aos 49 anos, na noite desta terça-feira, 22, em Boa Vista (RR).

 

Irmã Telma, como era conhecida, atuava como coordenadora do Centro de Migrações e Direitos Humanos da Diocese de Roraima. Seu trabalho à frente da organização se destacou pela atenção às diversas pautas dos direitos humanos, em especial de pessoas refugiadas e migrantes no estado, principalmente venezuelanas e haitianas.

 

Ela apoiou pessoas refugiadas e migrantes desde o início do aumento do fluxo de pessoas da Venezuela, antes mesmo da Operação Acolhida ser instalada na região Norte. Ainda atuou junto às organizações da R4V, no Subsetor de Enfrentamento à Violência Baseada em Gênero, nos grupos de trabalho de Proteção e de População Fora dos Abrigos.

 

Internada desde a última sexta-feira, 19, em decorrência de Covid-19, Irmã Telma teve a situação de saúde rapidamente agravada. As agências da ONU presentes em Roraima se solidarizam com familiares, amigas e amigos, trabalhadoras e trabalhadores humanitários por essa inestimável perda.

 

Nossas condolências,

Plataforma de Coordenação Interagencial para Refugiados e Migrantes da Venezuela (R4V)