Você está aqui

Fundo de População das Nações Unidas assina Memorando de Entendimento com Município de Manaus

Documento com vigência de três anos visa garantir esforços conjuntos pela promoção da saúde sexual e reprodutiva

 

O trabalho de promoção da saúde sexual e reprodutiva na cidade de Manaus, que tem sido realizado conjuntamente pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e a Prefeitura do município, foi reforçado no dia 10 de junho, com a assinatura de um Memorando de Entendimento com a Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA).

No contexto da Operação Acolhida, já existe uma cooperação entre o UNFPA e SEMSA, visando a garantia dos direitos sexuais e reprodutivos das pessoas refugiadas e migrantes vindas da Venezuela por meio do acesso à informação e serviços. Durante a pandemia de Covid-19, também foram realizadas doações do Fundo de População da ONU, de itens como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e cilindros de oxigênio para a Secretaria Municipal de Saúde.

A partir da assinatura do memorando, essa relação se aprofunda, pois UNFPA e SEMSA se comprometem a aplicar esforços para coordenar iniciativas em prol da promoção do acesso à saúde, em especial os serviços em saúde sexual e reprodutiva. Ainda serão desenvolvidas ações conjuntas para avançar e fortalecer as Agendas de População e Desenvolvimento, Saúde Reprodutiva e dos Direitos Humanos, considerando os direitos e necessidades da população do Município de Manaus, em especial, de mulheres e meninas.

De acordo com o documento, as partes se comprometem ainda a colaborar ampla, direta e recíprocamente na promoção de intercâmbio técnico e cultural, mediante visitas de representantes, troca de documentos, capacitações e implementação de outras atividades conjuntas.

Esteve presente na assinatura do memorando a chefe de escritório do UNFPA em Manaus, Débora Rodrigues;  o Subsecretário de Gestão Administrativa e Planejamento da SEMSA, Nagib Salem José Neto; Chefe do Núcleo de Saúde dos Grupos Especiais, Wanja Dias Leal; e a Gerente da Rede Cegonha, Lucia Marques de Freitas.