News

UNFPA e Secretaria de Saúde da Bahia discutem estratégias de promoção à saúde de jovens

12 Agosto 2016

No intuito de definir ações prioritárias e estratégicas com foco na construção de habilidades para a vida e promoção da saúde sexual e reprodutiva e dos direitos de adolescentes e jovens, Fernanda Lopes, Representante Auxiliar do UNFPA, Fundo de População das Nações Unidas, esteve reunida na quinta-feira, 28 de março, com Jorge Solla, Secretário de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). No encontro foram expostas as prioridades globais da Agência, destacados os compromissos assumidos pela Agência junto ao Governo Federal, marcadamente o Ministério da Saúde, e as estratégias para que as ações desenhadas com estados e municipios contribuam para alcançar os resultados de desenvolvimento. 

A Representante Auxiliar fez o panorama histórico e atual da parceria com a Bahia e convidou o Secretário para estar presente na cerimônia de renovação do  termo de cooperação com o Governo do Estado, em 15 de abril. Ele, por sua vez, agradeceu o apoio do Fundo e reafirmou o interesse em aprimorar o trabalho conjunto, em especial na saúde de adolescentes e jovens. Lopes também destacou os encaminhamentos acordados em reunião com a equipe da Área Técnica de Saúde do Adolescente e Jovem (ASAJ) da SESAB e como esse apoio se conecta com o mandato do Fundo. “Uma das nossas linhas de atuação é focada no reconhecimento do potencial de adolescentes e jovens e em sua  valorização como sujeitos de direitos. Trabalhamos na lógica de construção de habilidades para a vida. Para isto, é necessário identificar e oferecer aos jovens aquilo que precisam para que exercitem sua sexualidade e tomem  decisões reprodutivas livres, conscientes e seguras”, destacou.

A ASAJ indicou as prioridades a serem trabalhadas em parceria com o UNFPA: formulação e implementação da política de saúde integral de adolescentes e jovens, que inclui o reforço das estratégias de implementação da Caderneta de Saúde do Adolescente e a mobilização dos Grupos de Trabalho Intersetoriais Municipais, responsaveis pela implantação do Programa Saúde na Escola, para trabalho nos temas para os temas ligados à promoção da saúde sexual e reprodutiva, prevenção de doenças e agravos, incluindo violência e DST/aids, no estado, além de ações de comunicação. Também estiveram reunidas a Diretora de Gestão do Cuidado (DGC/Sesab), Liliane Mascarenhas, a Superintendente de Assistência Integral à Saúde (Sesab), Gisélia Santana e a representante da Secretaria para Assuntos Internacionais e da Agenda Bahia (SERINTER), Iara Farias.

Texto e fotos de Midiã Santana / UNFPA Brasil