Published on: 20/11/2017

Segundo pesquisa realizada pela Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) e pelo Senado Federal, 56% da população brasileira concorda com a afirmação de que “a morte violenta de um jovem negro choca menos a sociedade do que a morte de um jovem branco”. Por quê? O que coloca diferença no valor das vidas, neste caso, é o racismo. É ele que permite que a cada 23 minutos um jovem negro seja assassinado no Brasil. Rompa com o racismo e a indiferença! Junte-se a ONU Brasil na campanha “Vidas Negras”, pelo fim da violência contra a juventude negra. A próxima morte tem que ser evitada! Saiba mais: bit.ly/vnegras