News

UNFPA faz 7 recomendações durante a pandemia da COVID-19

16 Abril 2020

O Fundo de População da ONU está trabalhando ativamente durante a pandemia da COVID-19, articulando junto a parceiros, governos e sociedade civil a proteção de pessoas em situação de vulnerabilidade e apoiando a manutenção de serviços de saúde sexual e reprodutiva e prevenção da violência baseada em gênero

As principais recomendações da agência para esse período foram reunidas em um vídeo rápido e destacam não apenas a manutenção de serviços, como o fornecimento de contraceptivos, como também a proteção de grávidas, pessoas idosas e mulheres que podem ser vítimas de violência doméstica, e o papel da juventude na pandemia.

Os itens são:

1 - É muito importante que sejam mantidos serviços de saúde materna, pré-natal e parto seguro.
Mulheres grávidas devem ser tratadas com prioridade.

 

2 - O fornecimento de contraceptivos modernos, de curta e longa duração, deve continuar disponível.
Durante a pandemia, recursos para isso podem ser redirecionados para atender a emergência. 
 

3-É preciso fornecer proteção e ter um olhar dedicado ao gênero.

Mulheres lideram serviços de saúde e podem estar sob maior risco de contágio.

 

4-É preciso proteger mulheres e meninas, mantendo os serviços de proteção ativos.

A violência contra a mulher pode aumentar durante uma pandemia.

 

5- Pessoas idosas estão sob maior risco de complicações por COVID-19 e precisam de atenção especial.

Assim como outras pessoas em situação de vulnerabilidade, como pessoas com deficiência, pessoas vivendo com HIV,

pessoas migrantes e refugiadas.

6- Pessoas jovens têm as mesmas chances de infecção e contágio que as pessoas idosas.

Por isso, devem tomar todas as precauções e praticar o distanciamento social.

 

7- Com facilidade para novas tecnologias, jovens podem ajudar a divulgar informações sobre os riscos da COVID-19.
Dessa forma, podem ter um papel fundamental dentro da comunidade.

 

Confira o vídeo: