Você está aqui

UNFPA Brasil apoia atividades lideradas por jovens no mês da juventude

A Oficial de Juventudes, Gabriela Monteiro, discursou durante cerimônia de abertura do evento “A Juventude do Agora", promovido pelo Movimento IYD Brasil, com apoio do Fundo de População da ONU no Brasil

Por Giselle Cintra

 

“Reforço que, para nós, do Fundo de População das Nações Unidas, enquanto agência de juventudes do Sistema ONU, o nosso compromisso é estar aqui, a serviço de vocês, escutando o que vocês tem a dizer com todo o respeito e com toda a dignidade que vocês merecem, enquanto pessoas produtoras de conhecimento e capazes de apontar soluções para o nosso país. Vamos fazer tudo o que pudermos para realmente viabilizar uma vida com cada vez mais dignidade, e para que cada jovem do Brasil alcance seu pleno potencial”.

Com este discurso, Gabriela Monteiro, Oficial de Programa para Assuntos de Juventude do UNFPA Brasil, abriu o evento “A Juventude do Agora” na última quinta-feira, 12 de agosto, Dia Internacional da Juventude. Promovido pelo Movimento IYD Brasil e com apoio do UNFPA, acontecem entre os dias 12 e 26 de agosto, palestras, painéis e rodas de conversa para comemorar o papel de jovens na discussão das pautas globais. O mapa de atividades que acontecerão ao longo do mês em todo o país pode ser visto aqui.


Gabriela Monteiro, Oficial de Programa para Assuntos de Juventude do UNFPA Brasil (Imagem: reprodução/Youtube)

Em todos os lugares do mundo, jovens estão lutando para acabar com o casamento infantil, iniciando conversas sobre educação integral em sexualidade, exigindo saúde e direitos sexuais e reprodutivos para todas as pessoas e promovendo a paz em suas comunidades. Para que novos resultados sejam alcançados, a juventude deve ser centralizada e priorizada em tais discussões e o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) tem como uma de suas missões garantir que jovens de todo o mundo alcancem seu pleno potencial.

“Para se construir um propósito, tanto individual, quanto coletivo, é preciso desenvolver um pensamento crítico. Isso é fundamental para a mobilização, para a participação e para a transformação social. O pensamento questionador é uma das principais marcas das juventudes e é fundamental para produzir as transformações que desejamos, que vocês merecem, que vocês sonham e que têm o direito de ver”, conclui Gabriela.

Assista a abertura do evento:

Tema global

Transformando os Sistemas Alimentares é o tema do Dia Internacional da Juventude deste ano que destaca as soluções desenvolvidas por jovens inovadores para enfrentar os desafios dos sistemas alimentares. Para a Diretora Executiva do UNFPA, Dra. Natalia Kanem, nós temos muito a aprender com jovens: “Eu sei que vocês se preocupam com o seu presente e com o seu futuro. Vocês estão liderando as preocupações sobre as mudanças climáticas e o mercado de trabalho, especialmente neste período de pandemia. Saiba que nós, do UNFPA, estamos com vocês. Prometemos fazer tudo o que pudermos para agir com vocês nos desafios que enfrentam, para atender às suas demandas por justiça”.