Você está aqui

Jovens apresentam projetos de inovação incentivados a partir da Roda das Juventudes Já!

 

Projetos vão desde uma influencer virtual que produz conteúdo sobre educação sexual até jogo de tabuleiro para enfrentamento às masculinidades tóxicas

Por Giselle Cintra

A Roda das Juventudes Já! encerrou suas atividades em novembro do ano passado, no entanto, ela continua a girar por meio das conexões realizadas pelos participantes. Nesta segunda-feira, 19, jovens de várias regiões do Brasil apresentaram projetos em defesa de direitos das juventudes, que vão desde uma influencer virtual a um jogo de tabuleiro sobre enfrentamento às masculinidades tóxicas. Esses projetos foram selecionados na Roda das Juventudes Já! e receberam acompanhamento de mentoria e investimento de recursos-sementes nos últimos meses, a fim de concretizar as propostas iniciais elaboradas pelas e pelos jovens em 2020. 

A Roda é uma das estratégias do UNFPA para o desenvolvimento de juventudes e adolescências na região, e teve como apoiadores a Oxfam Brasil, UNICEF, IYD Brasil, Plan International, Terre des Hommes e Coletivo Não é Não. Para comentar os projetos, participaram do encontro, a Gerente de Gênero e Empoderamento Econômico da Plan International Brasil, Raíla Alves, o Especialista em Juventude do UNFPA América Latina e Caribe, Allán Sánches Osorio, a representante do Dia Internacional da Juventude no Brasil, Mariana Parajara, e a Oficial de Programa para Juventudes do UNFPA Brasil, Gabriela Monteiro.

”Tivemos 30 adolescentes e jovens participando ativamente da construção de projetos colaborativos para enfrentamento às violências de gênero. Estamos aqui para mostrar que é possível, a partir de diversos lugares e de uma pluralidade de sujeitos e de juventudes diversas, construir e elaborar propostas para enfrentamento à violência de gênero, para mostrar que a juventude é plenamente capaz e é mais indicada do que ninguém para elaborar as respostas para os problemas que enfrentam no próprio cotidiano”, afirma Gabriela Monteiro, Oficial de Programa para Juventudes do UNFPA Brasil.

Projeto Luna Silva

Uma das ideias apresentadas foi a influencer virtual, denominada Luna Silva, que fala e produz conteúdo sobre direitos sexuais e reprodutivos. Apresentada pelo grupo ‘Roda das Vivencialidades’, Luna Silva é um perfil de uma mulher trans, preta, bissexual e estudante de teatro que com inteligência artificial responde dúvidas, alerta sobre fakes news e oferece dicas sobre educação sexual. 

“Seu objetivo é falar sobre educação sexual com o máximo de pessoas pelo Instagram”, afirma Danielle Amaral, que faz parte do grupo Roda das Vivencialidades. “Era muito importante que a gente estabelecesse um local de informação segura e completa para jovens e que a gente tivesse essa linguagem e essa forma de pensar muito parecida com a que a juventude se expressa, foi daí que surgiu a Luna”, complementa Danielle Amaral.

 

Jogo de tabuleiro Inspira Jovem

Produzido pelo grupo Roda do Passinho, o jogo de tabuleiro Inspira Jovem é uma proposta de inovação educativa que traz o debate sobre masculinidades tóxicas e relações de dominação. 

“Por meio do jogo, a gente consegue gerar uma reflexão no jovem ou no menino para que desconstrua o seu machismo e construa a sua masculinidade saudável. O objetivo é estimular debates sobre as masculinidades violentas, visando conscientizar principalmente os meninos sobre a violência de gênero”, afirma Daniel Paixão, que faz parte da iniciativa Impulsiona Jovem.

O grupo formado por 13 jovens apresentou também a plataforma Impulsiona Jovem, iniciativa de enfrentamento às violências de gênero e promoção dos direitos sexuais e reprodutivos da juventude, que tem como base os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, destacando Saúde e Bem-estar, Educação de Qualidade, Igualdade de Gênero e Redução da Desigualdades. Conheça mais sobre a plataforma no perfil do instagram @impulsionajovem.