Vídeo

08/08/2019

Desde 2016, o programa de Estágio Afirmativo do UNFPA Brasil contribui com a formação de um time mais plural, composto de jovens afrodescendentes, indígenas, LGBTI e de baixa renda, entre outros grupos. Ao encorajar a participação de jovens vindos de diversas esferas da sociedade, o UNFPA marca seu mandato como agência líder para questões de juventude.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Sadraque Labres conta que sua mãe teve filhos muito nova, com isso, ele pensa em construir uma família de forma planejada.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Nathália diz que não quer ter filhos e observa que a mentalidade desta geração mudou.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Bárbara Alves, de 20 anos, diz que a mãe dela não tinha tanto acesso aos métodos contraceptivos, hoje em dia, para ela, há mais informação sobre isso.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Eunice Oliveira observa a diferença de oportunidades que ela e sua mãe tiveram.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Marcelina Teixeira, de 21 anos, reconhece que hoje as mulheres têm mais autonomia.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. Wallyson Nascimento, vai ser pai aos 23 anos e conta que deve haver planejamento ao formar uma família.

15/07/2019

O UNFPA promove a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados no acesso a seus direitos. José Lima conta que é analfabeto e teve 7 filhas. Todas estudaram e uma já se formou. 

15/07/2019

Em alusão ao Dia Mundial da População, celebrado 11 de julho, o UNFPA promoveu a ação “Mais que minha mãe, menos que minha filha”, e foi às ruas para convidar as pessoas a refletirem sobre as mudanças e os desafios encontrados na agenda de população e desenvolvimento e no acesso a seus direitos.

19/12/2018

O Primeiro Seminário Internacional para a Prevenção e Redução da Gravidez Não Intencional na Adolescência nos Municípios do Oeste do Paraná marcou o início das ações desta parceria. O evento reuniu cerca de 200 pessoas. Além de gestoras e gestores públicos, técnicos, especialistas e integrantes da sociedade civil do Brasil, também compareceram representantes da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai. Em junho de 2018, a Itaipu e o UNFPA firmaram uma parceria para que adolescentes dos municípios do Oeste do Paraná possam tomar decisões voluntárias, informadas e responsáveis sobre sua saúde, seu futuro e evitar gestações não planejadas. Assista ao vídeo.

Pages